ÚLTIMAS RESENHAS

Latest in Tech

01 março 2014

Lost Boys ( Lilian Carmine)



Editora: Leya
Autor: Lilian Carmine
Páginas: 464
Nota do Sempre Nerd: 3/5


O destino os aproximou. Mas poderá também separará-los? Joey Gray acaba de se mudar para uma pequena e estranha cidade, e está se sentindo um pouco perdida. Até encontrar um garoto misterioso e encantador bem próximo de sua casa. Mas Joey mal suspeita que Tristan Halloway tenha um bom motivo para estar sempre vagando pelo cemitério da cidade...

Esse foi um livro de emoções controversas, em alguns momentos eu simplesmente me deliciei com a leitura e em outros me senti arrastada.

Tudo começa quando Joe muda-se com a mãe para uma nova cidade, e um dia ao ajudar uma idosa a levar flores para o túmulo do marido, ela se perde no cemitério e acaba conhecendo um lindo jovem (Tristan), por quem se encanta, a única coisa esquisita é o fato do rapaz nunca sair do cemitério, sempre tem um desculpa, bom provavelmente vocês já sabem... o jovem bonitão é um fantasma e obviamente ele também se interessa por Joe. Na passagem de Ano Novo Joe, sem querer, realiza um ritual que acaba trazendo Tristan de volta a vida e é aí que a história dos dois começa.

O grande trunfo da história são os personagens, a autora foi muito feliz na criação deles, são incrivelmente carismáticos e encantadores e até mesmo a  mocinha é super legal. A história também é muito criativa e interessante, porém a autora pecou em algumas partes, principalmente em alguns fatos que tiveram explicação muito rasa. 
Algo que me incomodou muito foi a aceitação rápida e simples da mãe da Joe em relação a tudo, eu sinceramente acho que a autora deveria ter deixado a mãe da Joe de fora da, ou sei lá, ter feito ela ser uma bruxa e estar acostumada com sobrenatural, pois a forma como ela simplesmente aceitou foi totalmente artificial e forçado.
Outra coisa que atrapalhou um pouco minha leitura foram algumas partes muito prolongadas e repetitivas sobre Joe e seu amor por Tristan, ou como ele era bonito e blábláblá, algumas vezes senti vontade de pular essa partes, afinal são 464 páginas e em outras partes que mereciam uma explicação mais concreta, que a autora poderia ter desenvolvido melhor ela correu com a história.

Apesar desses pontos o livro traz partes muito divertidas e mostra de forma bem realista e convincente a amizade dos Lost Boys, isso foi muito legal, adorei, pois enquanto eu lia eu me sentia na minha própria adolescência, com sentimentos tão parecidos e aquela alegria de estar com amigos, descobrindo coisa novas, se sentindo parte de um grupo, isso maravilhoso ler e reviver nas minhas memórias.

Amei todos os Lost Boys, mas especialmente Harry, adoraria que a autora fizesse um spin-of sobre ele.

Apesar do livro ser classificado com New Adult, ele o considero mais como um YA sobrenatural, não espere cenas sexys ou calientes, pois como eu disse, o livro pende muito mais para um YA e acredito que vai agradar muitos os fãs da Meg Cabot, principalmente os fãs de A Mediadora, a escrita de ambas são parecidas.

Agora vou aguar o próximo da trilogia para ver aonde os Lost Boys vão me levar.

2 comentários :

  1. Oi,

    ótima resenha, parabéns! Sua opinião foi bem parecida com a minha! Lost Boys é um livro muito divertido, leve e despretensioso. Não é o tipo de obra que te faz pensar ou que te conquista por trazer algo novo, mas os personagens e o romance fofo dos protagonistas acabam ofuscando esses detalhes clichês. O modo como a mãe da Joe aceita tudo ficou mesmo meio forçado...

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Estava em dúvida sobre ler ou não esse livro.Eu sou do tipo que olha a capa e depois a sinopse na hora de escolher um livro.Gostei da sua resenha.E esse livro está tendo muita repercussão.Já está na lista de próximas leituras.
    Bjs :)
    Thamires do blog Nerd 2000.
    http://nerd2000.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir