ÚLTIMAS RESENHAS

Latest in Tech

03 janeiro 2016

Doce Perdão (Lori Nelson Spielman) - Ed. Verus

Série: -
Editora: Verus
Autor: Lori Nelson Spielman
Páginas: 322
Nota do Sempre Nerd: 4/5 

Hannah Farr é uma personalidade de New Orleans. Apresentadora de TV, seu programa diário é adorado por milhares de fãs, e há dois anos ela namora o prefeito da cidade, Michael Payne. Mas sua vida, que parece tão certa, está prestes a ser abalada por duas pequenas pedras... As Pedras do Perdão viraram mania no país inteiro. O conceito é simples: envie duas pedras para alguém que você ofendeu ou maltratou. Se a pessoa lhe devolver uma delas, significa que você foi perdoado. Inofensivas no início, as Pedras do Perdão vão forçar Hannah a mergulhar de volta ao passado - o mesmo que ela cuidadosamente enterrou -, e todas as certezas de sua vida virão abaixo. Agora ela vai precisar ser forte para consertar os erros que cometeu, ou arriscar perder qualquer vislumbre de uma vida autêntica para sempre. Após o sucesso mundial de A lista de Brett, Lori Nelson Spielman retorna com este romance terno e esperto sobre nossas fraquezas tão humanas e a coragem necessária para perdoá-las - assim como para pedir perdão.
Uma bela história sobre segundas chances, sobre perdoar e ser perdoado, mas acima de tudo libertar-se.

Ao contrário da maioria dos leitores eu não li A Lista de Brett, da autora, de modo que não tinha nenhuma expectativa a mais sobre o livro, peguei-o totalmente sem saber nada sobre a história além da sinopse e tive uma agradável surpresa. Encontrei uma trama sincera sobre as relações pessoais e a dificuldade de perdoar e pedir perdão.

O enredo que a autora criou é uma singela mensagem para que o leitor reflita sobre a própria vida e avalie como está lidando com o rancor e como isso ainda pode influenciar o presente de cada um.
Eu concordo que em alguns momentos é difícil perdoar, que quando algo se quebra nunca mais será o mesmo, no entanto,  é preciso reconhecer que  apesar de difícil perdoar é libertador. 

O leitor acompanha Hannah em sua jornada pessoal,  onde ela acaba por perceber que enfrentar o passado nem sempre é fácil, mas é necessário para que se possa seguir em frente sem amarras, sem peso, totalmente livre.

Hannah é uma personagem muito bem desenvolvida, ela é cheia de falhas e medos, as situações vivenciadas por elas são muito verdadeiras,  é possível vê-las facilmente no dia a dia. A autora souber humanizar sua protagonista tornando-a muito próxima aos leitores.

A narrativa da autora também é muito agradável, fluida e delicada, faz com que o leitor se envolva rapidamente com a história. 

Apesar de trazer uma linda mensagens e excelentes reflexões,  confesso que o desfecho no livro me deixou insatisfeita, pois a autora não foi muito clara sobre Hannah ter sido ou não vítima de uma situação. Esse fato se trata de algo grave e que deve ser punido, algo que não merece perdão em hipótese alguma. Fora isso, o livro é maravilhoso e traz uma história original e bem trabalhada.

Enfim, Doce Perdão traz uma história sobre amor, família, traição, perdão, amizades e mal entendidos, um livro que com certeza vai ter um significado único e vai dar ao leitor muito no que pensar, recomendo!

A diagramação do livro também está impecável, a capa ficou linda. Revisão e tradução excelentes, a editora está de parabéns!

Postar um comentário